terça-feira, maio 04, 2010

DIÁRIO DAS OBRAS DA CAPELA X

Olá a todos,

Para encerrar de vez este diário, não queria deixar de vos trazer algumas fotos da "inauguração" da electricidade na capela no dia do Voto de Santa Cruz, realizado no dia 3 de Maio. Desta vez sem comentários...






8 comentários:

Carlos de Matos disse...

Boas Noites,

sem comentários como disseste Ricardo... ;o))

As fotos falam por si e sinceramente o restauro da alvenaria assim como do telhado dão hoje uma garantia na preservação da nossa Capela.

So imagino o tecto falso restaurado, de cores vivas com aqueles santos todos nos caixotões... o sonho tem de continuar.

As gerações vindouras poderão olhar para este exemplo de realização com um certo orgulho. Era tempo de agir e obrigado a todos quanto participaram.

O Ramiro Fonseca foi o homem da situação para levar a cabo a obra de concreto. Acho que devemos dizer as coisas como são ;o))

Empreiteiros hà muitos mas devemos ver na qualidade e responsabilidade desse Forninhense uma implicação extra-profissional.

A Capela nunca sera como antes e as proximas festas da Nossa Senhora dos Verdes serão a ocasião de ver os filhos da terra prestar uma digna homenagem num templo dignificado.

@té breve

al cardoso disse...

Bonito sim senhor, mas como diz o Carlos, seria ainda melhor se houve-se possibilidade de dourar e restaurar o tecto de caixotoes!

Um abraco a ambos do dalgodres.

urbano disse...

Boas

Quero felicitar todos os intervenientes nesta recuperação, desde o construtor ás pessoas que dirigiram e tiveram a coragem de avançar com a recuperação da nossa capela.

Pessoalmente lamento que existam, vozes contra, mas sempre existirá num povo democrático, mas partir ao insulto, é vergonhoso e de uma baixeza incrível.

Vamos ao que interessa, gostei do que vi quando estive em Forninhos, desde a colocação dos paralelos, que impermeabiliza sim e muito, a reconstrução do alpendre, e toda a área envolvente.

Vi algures, também um comentário critico sobre o corte de uma arvore(eucalipto), que lamentavelmente estava a danificar o muro e quem sabe se as raízes um dia não estariam a estragar o chão da capela, dado que essa arvore consome muita agua e procura lugares frescos, e danificando os solos, ou imaginem a pior das hipóteses, uma tempestade como este ano aconteceu, em vários pontos do país, a arvore cair encima da capela?(Preso por ter cão ou não ter)

Aqui até pedia eu , que não deixassem crescer nem silvas nem giestas, ou mesmo arvores , num raio de 10 metros da Capela, dado que a protegia, de incêndios ou outro tipo de danos.

Aos críticos peço que criem também uma comissão contra as Obras em Fátima, dado que antigamente Fátima era terra de cultivo e pastoreio, agora encontramos alterações profundas, uma capela aonde apareceu a Virgem, dois santuários, casa de banho, hotéis, bla bla bla, sejam coerentes tudo é feito em prol do bem, ninguém quer estragar nada, FAÇAM CRITICAS CONSTRUTIVAS E NÃO DESTRUTIVAS.

Sejamos realistas as obras tinham que ser feitas, ou preferiam que dentro de anos, estivesse só o esqueleto da nossa capela?

Para quem achou bem a criação de uma capela em S. Pedro, sem pés nem cabeça, vêm criticar agora uma remodelação, bem feita e estruturada, com apoio do IGESPAR, sigam sempre a mesma filosofia, o mesmo caminho, não se desviem só porque não gostam da pessoas, ou porque pensam que criticar vos leva ao topo.

IGESPAR - visitem

http://www.ippar.pt/pt/


Aos que arriscaram:
“ É muito melhor arriscar coisas grandiosas alcançando triunfo e gloria, mesmo expondo-se à derrota, do que formar fila com os pobres de espírito que nem gozam muito, nem sofrem muito, porque vivem nesta penumbra cinzenta que não conhece nem vitória nem derrota”. Franklin D. Roosevelt.

Jorge Urbano

Carlos de Matos disse...

" Não perguntes o que o teu País pode fazer por ti, mas sim o que tu podes fazer pelo teu Pais"?

Citação de JFK que jà tinha referido aqui no blog e que completa a do Jorge para dar a dimensão do que aqui foi realizado.

Houve uns tempos remotos onde o arbitrario mandava no colectivo. Esse projecto illustra o que o povo é capaz quando junto, unido atras duma mesma bandeira. Somos diferentes e cada um com defeitos e qualidades.

O dinamismo de Forninhos faz de 2009-2010 uma dupla de anos muito especial e determinantes para o seu futuro. O nosso Centro, a Capela, etc...Depois de tanto immobilismo e marasmo, Forninhos merece o louvor as suas gentes.

@té breve

Ana Guerra disse...

Olá a todos

Com muita pena não estive presente na "inauguração" das obras da nossa capela, mas estive no Domingo à tarde. As mordomas da Nossa Senhoras dos Verdes estiveram toda a tarde na limpeza e embelezamento da mesma. E devo reforçar que mesmo cheia de pó estava muito bonita. Os candeeiros laterais parecem pequenas pias de Baptismo, muito bonitos.

Quero também alertar que já se realiza a venda de rifas para a festa em Honra do Divino Espírito Santo, quem estiver longe e queira reservar um número é só falar comigo ;)
Tentem a vossa sorte, são só 0.50 €$PIRITO$ $ANTO$.
1º PRÉMIO- 1 Bicicleta
2º PRÉMIO- 1 Presunto
3º PRÉMIO- 1 Garrafa de champanhe Francês
4º PRÉMIO- 1 Queijo da Serra
5º PRÉMIO- 1 Garrafa de Licor Beirão

DIA DO SORTEIO 24/5/2010 A NOITE

AGRADECIMENTO ESPECIAL AO NOSSO FIEL PATROCINADOR: CERVEJARIA "PERIQUITOS"

Ana Guerr@

ed santos disse...

Boa tarde a todos.

Também daqui envio os meus parabéns á equipe envolvida neste trabalho, principalmente ao Ricardo pela sua iniciativa, persistência e missão cumprida, é um trabalho visível do qual se pode orgulhar, e a freguesia com certeza no seu todo, lhe estará grata.
É normal, em obras públicas desta natureza, haver algumas discordâncias, e, mesmo eu, fiz o meu comentário a discordar dos cubos em redor da capela, não sabia que estava no projecto das obras a realizar, “esqueci-me”que os jovens técnicos que os elaboram, estão mais virados para o materialismo de que para o sentimental, mas pronto! Eu pertenço a uma geração que está no fim, e, talvez os jovens não estejam para aí virados.
Também se falou no corte do eucalipto, estas árvores não são bem vistas pelos agricultores, por isso, também não o seria naquele local, um louvor também para o seu proprietário pela permissão do seu abate.
Tenho ouvido algumas referências neste blog e também noutro, a uma comissão ou associação para defesa do património de forninhos. Já em tempos aventei essa hipótese,
Desconheço se já fizeram alguma coisa nesse sentido ou se não passa apenas de fantasia pela cabeça das pessoas, como aliás, já passou pela minha, mas com o intuito de fazer bem. Mas que era bom para forninhos, não tenho dúvida, desde que tivesse o envolvimento, ou pelo menos o aval das entidades forninhenses, Religiosas, Recreativas e Autárquicas.

Um bom fim de semana a todos.

Ramiro Fonseca disse...

Boa noite a todos.
Todos os trabalhadores, Presidente Ricardo, Padre Paulo e todos os que estiveram envolvidos nestas obras estão de parabéns, mas não só, acho que está de parabéns toda a população de Forninhos, os que cá residem e os que estão fora, até mesmo os que mais criticaram.
A capela é uma obra de todos e sabíamos de inicio que as obras não seriam feitas á vontade de todos, e que algumas das obras seriam criticadas mais duque outras, mas se não as fizesse-mos seria bem pior acho que a capela esta bonita e por isso digo uma vez mais Forninhos esta de parabéns hoje tem a capela mais bonita do conselho de Aguiar da Beira.
E deixo o convite em aberto para todos, a virem ao local no dia 23 de Maio e veremos como eu tenho razão em dizer que a capela está bonita.

Ramiro Fonseca.

Sandra disse...

Tive a oportunidade de visitar a parte exterior ontem. E gostei (gostamos!)muito do que vi (vimos!).
A Capela pintadinha, as madeiras novinhas, os muros arranjadinhos, a calçada à volta...
Enfim, gostei!
E até achei o recinto limpo, mesmo após uma festa ter ocorrido há poucos dias. :)
Parabéns a todos. A quem projectou, quem executou, quem acompanhou, quem financiou, a quem visitou, a quem....
A TODOS!!

Cpts,
Sandra